A velocidade do site ou loja virtual é fundamental para o sucesso de um negócio online

A velocidade de carregamento de um site ou loja virtual é um dos principais aspectos da experiência do usuário.

Afinal, ninguém gosta de acessar um site lento, que demora para carregar…

Além disso, o Google anunciou para maio de 2021, uma nova mudança relacionada a velocidade. Mais adiante comento em detalhes!

Conforme algumas pesquisas sugerem, as pessoas esperam que uma página web carregue em até 2 segundos.

Além disso, abandonam a visita a um site se a velocidade de carregamento exceder 3 segundos.

Velocidade do Site ou Loja Virtual

Por que a velocidade de carregamento é importante?

“A otimização para a qualidade da experiência do usuário é a chave para o sucesso de qualquer site na web a longo prazo. “

Philip Walton

Esta afirmação é de um engenheiro do Google, especialista em velocidade de carregamento.

Ele coloca a velocidade de carregamento de um site, como um fator fundamental para melhorar a experiência do usuário.

Cada dia mais, o tempo que um site demora para carregar, poderá trazer impactos negativos para o negócio.

Então, vamos entender porque a velocidade do site ou loja online é tão importante.

Melhora a experiência do usuário

Quando as pessoas acessam um site na internet, elas esperam realizar os objetivos (seja, comprar um produto ou consultar informações sobre uma empresa), o mais fácil e rapidamente possível.

Sobretudo, site mais rápidos tornam esta experiência de acesso muito melhor.

Por outro lado, sites lentos, geram uma sensação de frustação com a empresa.

A velocidade do site é um fator de classificação para o Google

Somente este ponto, já seria um grande motivo para donos de sites e lojas melhorem a velocidade.

Há algum tempo o Google considera a velocidade de carregamento de uma página um fator de classificação nas pesquisas.

Desde 2018 o Google passou a incluir a velocidade como fator de rankeamento, também para as pesquisas em celulares.

Velocidade de carregamento do site

Portanto, páginas de sites com carregamento mais rápido tendem a terem uma melhor classificação nos resultados do Google.

É claro que, existem muitos outros fatores para a classificação…

Todavia, um site ou loja online que pretende ter sucesso na internet, não podem ignorar a velocidade como um dos itens a ser melhorado.

Isso é particularmente verdade para novos negócios na internet.

Core Web Vitals do Google

Web Vitals é uma iniciativa do Google para medir a experiência do usuário quando acessa uma página na internet.

São os sinais vitais, com poucas medidas, que indicam a velocidade de carregamento e a segurança da conexão.

Todavia, a novidade anunciada pelo Google é que agora esses indicadores do Web Vitals serão considerados como fatores de rankeamento nas pesquisas do Google.

Conforme declarou a empresa, essa alteração entrará em vigor a partir de maio de 2021.

O que exatamente é o Core Web Vitals?

Com o fim de simplificar a medição da velocidade, o Web Vitals define três métricas básicas.

Tais métricas permitem avaliar como a velocidade afeta a experiência do usuário ao acessar uma página web.

Todavia, alguns conceitos do Web Vitals podem ser de difícil entendimento.

Por este motivo, recomendo a leitura desse artigo que explica em detalhes todas as métricas: O que é Core Web Vitals?

Core Web Vitals

Explicando de modo simples, essas medidas procuram indicar:

1) Em que momento o conteúdo principal é exibido para o usuário;

2) E quanto tempo é possível interagir com o site (correr a página, clicar em algum elemento etc);

3) E se o layout não sofre alterações (variações) durante o carregamento;

Velocidade de carregamento aumenta as conversões

Acima de tudo, seja qual for o seu negócio ou tipo de site na internet, tudo o que você precisa é aumentar as conversões.

Velocidade do site aumenta as conversões

 

Assim, para um site comum, conversão pode ser um contato recebido de um potencial cliente, um orçamento, etc.

Para um site de comércio eletrônico, a conversão é simplesmente a efetivação de uma venda pela loja online.

Um estudo conduzido pelo Google e Deloitte, indicou que um incremento de 0,1 segundos na velocidade de carregamento pode aumentar em 8% a taxa de conversão.

Outra pesquisa empreendida pelo Google/SOASTA em 2017, apontou que quanto mais um site demora para carregar, aumenta a possibilidade dos usuários abandonarem o site e diminui a taxa de conversão.

Ainda que os números possam parecer exagerados, é importante termos suas conclusões em conta.

Ou seja, levando tudo isso em consideração, não investir na melhoria do tempo de carregamento do seu site, pode colocar o seu negócio online em risco.

O que afeta a velocidade de um site ou uma loja online?

São muitos os fatores que afetam a velocidade do site!

No entanto, darei atenção aos fatores mais fáceis de melhorar.

De fato, algumas melhorias na velocidade de carregamento do site são mais difíceis de serem executadas.

Por outro lado, existem algumas melhorias fáceis que você pode implantar no seu site ou loja.

Hospedagem

Em resumo, hospedagem é onde os arquivos do seu site ou loja virtual (imagens, textos, códigos etc.) estão armazenados.

Dessa forma, sempre que alguém acessa um site, há uma conexão que é feita com o servidor de hospedagem.

Esta conexão está solicitando que o servidor envie os arquivos que compõe a página do site.

Por outro lado, o servidor processa essa solicitação e passa a enviar os arquivos solicitados por quem acessa.

Ou seja, este processo leva um certo tempo para acontecer.

velocidade da hospedagem

E este “tempo” é o primeiro item que afeta a velocidade do site.

É claro que as características da hospedagem, influenciam de modo direto a velocidade.

Assim, melhorar a qualidade da hospedagem, é uma das atividades que melhoram a velocidade geral.

Plataforma utilizada pode afetar a velocidade de carregamento

Temos plataformas populares de criação, como Wix, Webnode, Nuvem Shop, Tray Commerce e muito mais.

Apesar de existirem muitas plataformas para a criação de sites ou lojas online, poucas delas são favoráveis para a velocidade.

Isso ocorre por alguns motivos:

  • Sem dúvida, algumas plataformas facilitaram muito o trabalho de criar um site. Por outro lado, muitas delas utilizam tecnologias que não são apropriadas para desenvolver sites mais leves e rápidos;
  • A maioria das plataformas não permitem acesso e controle sobre todos os elementos importantes. Desse modo, torna-se impossível realizar a melhoria de muitos elementos que influenciam na velocidade de carregamento do site.

Mais adiante, conheceremos as melhores ferramentas para testar a velocidade.

Antes de tudo, em relação às plataformas de criação, a dica é testar a velocidade do seu site e de seus concorrentes e procurar comparar as plataformas.

Se após você realizar as otimizações que indicamos abaixo, ainda assim, não alcançar bom desempenho, talvez seja o caso de considerar uma mudança de plataforma.

Temas ou Layouts

Senão todas, mas as plataformas para a criação que conheço, disponibilizam modelos prontos de sites.

De fato, isso facilita muito o trabalho de criação.

Mas, esses modelos foram criados por desenvolvedores que podem ter utilizado tecnologias que também não são favoráveis para a velocidade de carregamento.

A ideia é escolher um layout que seja mais leve e permite um carregamento mais rápido do site.

Acesse uma plataforma específica e teste a velocidade dos layouts disponíveis.

Você perceberá que alguns são mais rápidos e outros menos rápidos.

Conteúdo da página

Quando pensamos em velocidade do site, a simplicidade pode ser a grande saída.

O site da Ux Web foi projetado para alcançar ótimos índices de velocidade, e como resultado, entregar uma melhor experiência aos usuários.

Assim, para termos sucesso neste objetivo, abrimos mão de alguns recursos de criação e melhoramos os elementos da página.

Definitivamente, o conteúdo da página é um grande vilão!

A boa notícia, é que algumas recomendações simples podem melhorar bastante o tempo de carregamento.

Entenda como o conteúdo afeta o tempo de carregamento.

Imagens otimizadas melhoram a velocidade do site

As imagens têm alguns componentes importantes, mas é um erro comum durante a criação do conteúdo.

A otimização é importante, acima de tudo, para lojas virtuais que utilizam muitas imagens de produtos em uma mesma página.

Enfim, otimizar é disponibilizar imagens em seu site com o menor peso possível, medido em KB (tamanho do arquivo de imagem).

Já vi sites ou lojas virtuais com imagens incrivelmente pesadas.

Você precisará decidir se deseja imagens com altíssima resolução (qualidade), mas que terá um carregamento lento.

Ou seja, perder um pouco da resolução para ter imagens mais leves e carregamento mais rápido.

Algumas dicas simples e fáceis de aplicar são:

1) Utilize dimensões apropriadas para as imagens (medida em pixels). Não adianta carregar no seu site uma imagem, por exemplo, de 4000 pixels de largura, se a tela do computador tem dimensões bem menores.

2) Prefira imagens em formato JPG. São bem mais leves que imagens em PNG.

3) Procure utilizar um editor de imagem em que seja possível diminuir a qualidade da imagem original.

Carregamento de vídeos

Os vídeos são incríveis para transmitir informação.

De tal forma, que para alguns negócios é indispensável.

Por outro lado, um vídeo de apenas 1 minuto de duração é bastante pesado (dependendo da resolução).

Assim, confira algumas dicas sobre inserir vídeos em páginas da Web:

1) Verifique se realmente uma página precisa de um vídeo. Talvez, não seja necessário em todas as páginas;

2) Se você tem muitos vídeos que precisa compartilhar no seu site. Crie categorias para os vídeos e crie uma página específica para cada categoria. Assim, os vídeos não ficarão em apenas uma página.

3) Nunca carregue um vídeo diretamente no seu site, a sobrecarga é muito grande;

4) Ou seja, carregue o seus vídeos no Youtube e compartilhe o link do vídeo no seu site;

5) Desative a reprodução automática do vídeo, isto é, o vídeo deve ser iniciado quando o usuário desejar.

5) Por fim, existe uma tecnologia que permite substituir a imagem do vídeo, por uma imagem real mais leve (por exemplo, pelo thumbnail do Youtube). Isso melhora muito o carregamento.

Algumas fontes podem tornar o carregamento mais lento

Muitas plataformas de criação de sites, utilizam-se das Fontes do Google.

É possível encontrar fontes muito bonitas que podem dar um visual bastante agradável.

No entanto, a utilização de fontes do Google pode significar carregamento mais lento da página.

Dessa maneira, utilizar uma fonte padrão pode ser uma saída para ganhar mais velocidade do site.

Efeitos de movimento

Praticamente, todas plataformas de criação têm a aplicação de efeitos de movimento nos elementos da página.

Por exemplo, quando a página é rolada para baixo, os elementos (imagens, texto etc.) aparecem em movimento.

Sem dúvida, esses efeitos criam uma aparência bastante atrativa, mas prejudicam a velocidade de carregamento do site.

Banners rotativos na parte superior da página

Sua utilização é bastante comum em lojas virtuais, mas alguns sites também a utilizam.

É claro que eu entendo que muitas vezes é necessário mostrar informações importantes e os banners chamam realmente a atenção.

Só que eles podem ser um vilão para a velocidade, pois são imagens muito grandes (altura e largura) e, por isso o arquivo também é pesado.

Além disso, normalmente, são colocadas mais de uma imagem no banner, o que piora a situação.

Por outro lado, pesquisa de usabilidade parece indicar que as pessoas não são muito fãs desse recurso.

Além do mais, o efeito visual que possui em computadores desaparece em telas menores de celulares.

Se acaso, precisar de um banner grande no topo da sua página, procure utilizar uma única imagem, como o exemplo abaixo:

velocidade do site

Carrossel de produtos

Particularmente, eu gosto desse recurso.

Porém, assim como, os banners rotativos, o carrossel de produtos pode afetar o carregamento da página e há indicações que podem prejudicar a experiência do usuário.

Por isso, prefira conteúdo sem movimento e garanta uma melhor experiência para os seus clientes.

Outros fatores para melhoria da velocidade

Como mencionei no início deste tópico, existem muitos fatores que afetam a velocidade do site.

O que afeta a velocidade do site

Todavia, os tópicos acima, fornecem algumas dicas básicas facilmente implantadas por utilizadores de quaisquer plataformas.

Porém, nem todas as plataformas permitem otimizações mais profundas para o carregamento mais rápido do site.

A plataforma WordPress destaca-se por permitir tais melhorias, sem a necessidade de conhecimento avançado de programação.

Caso precise de uma consultoria sobre as melhorias na velocidade de carregamento, entre contato conosco.

Como testar a velocidade do site?

Enfim, chegou a hora de testarmos a velocidade de carregamento do seu site ou de sua loja.

Mas, antes é importante entender que a velocidade de um site comum, é bastante diferente de uma loja online.

Isso porque, uma loja virtual possui recursos que podem tornar o carregamento mais lento que um site comum.

Além disso, essas ferramentas fornecem indicações importantes da velocidade.

Por isso, é necessário certo cuidado com os dados, o que importa é a velocidade real que um usuário “sente” ao acessar o site.

Teste de velocidade do Google

O site oficial do Google para testar a velocidade é o PageSpeed Insights.

Utiliza-se de uma metodologia conhecida como Google Lighthouse, que fornece uma pontuação que sinaliza o quanto o seu site é rápido.

Além disso, tem uma série de vantagens:

1) disponibiliza uma pontuação para mobile (celular) e desktop (computadores);

2) Mostra as avaliações do Core Web Vitals (Largest Contentful Paint, Cumulative Layout Shift e você pode utilizar Total Blocking Time para analisar o tempo em que a página fica interativa para o usuário.

3) Mostra para você recomendações que podem ajudar a aumentar a velocidade.

Basta acessar PageSpeed Insights e inserir o endereço da página que deseja executar o teste.

Três dicas importantes:

1) Coloque o endereço completo da página (URL) com http ou https, conforme o caso. Para fazer isso de forma correta acesse o endereço que deseja testar, depois copie e cole no PageSpeed Insights.

2) Procure realizar o teste em uma guia anônima do navegador. Em Chrome utilize as teclas CTRL + SHIFT + N.

3) Além disso, execute o teste mais de uma vez, pois sempre ocorrem variações entre um teste e outro.

Testar a velocidade do site com o GTmetrix

Com toda a certeza, a ferramenta de teste de velocidade GTmetrix se sobressai sobre todas as demais.

Teste de Velocidade do Site com GT Metrix

Utiliza-se da mesma metodologia do PageSpeed Insights, ou seja, o Google Lighthouse.

Além disso, também mostra as avaliações do Web Vitals.

Por outro lado, oferece recursos que o Google não oferece:

1) Primeiramente, permite que você escolha a localização do servidor de teste. Isso é de grande importância, pois altera os resultados do teste.

2) Podemos também escolher a velocidade de conexão para a realização do teste. Isso permite avaliar a velocidade de carregamento, com 3G, 4G, etc.

3) Mostra o tempo de carregamento real e completo da página e outras medidas de velocidade importantes.

testar a velocidade do site com Gt Metrix

4) Por fim, apresenta um gráfico com todos os recursos que são carregados na página. Isso permite que seja possível identificar quais recursos demoram mais para serem carregados.

Teste de velocidade do site Gt Metrix

Para testar basta acessar GTmetrix e criar uma conta grátis com direito a 50 testes por semana.

Por fim, adicione o endereço da página e execute o teste.

Velocidade em mobile (celulares)

A esta altura você já deve ter percebido que alcançar pontuação de velocidade alta, pode ser trabalhoso.

Certamente, a pontuação de velocidade mobile torna-se ainda mais difícil, pois o Google realiza o teste com uma conexão 3G.

Ainda assim, os proprietários de sites e lojas virtuais precisam encontrar maneira de melhorar a velocidade para dispositivos móveis.

Isso porque, além de a velocidade já ser um fator de classificação nas pesquisa do Google, a nova implementação do Web Vitals poderá ser crucial para muitos negócios.

Além disso, precisamos considerar que o Google prioriza o site na versão mobile para as classificações da pesquisa.

Resumindo, um site não adaptado para celulares e com carregamento lento, poderá não aparecer nos resultados orgânicos (gratuitos) da pesquisa do Google.

Conclusões sobre a velocidade

1) A cada dia a velocidade de carregamento torna-se mais importante para os seus potenciais clientes e para o Google;

2) Existe uma forte relação entre velocidade e receita de um negócio;

3) Realize testes de velocidade para identificar melhorias possíveis;

Espero que este artigo tenha contribuído para você entender e melhorar a velocidade do seu site ou de loja online.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

No Blog na Ux Web você encontrará conteúdo indispensável para o crescimento do seu negócio online.

REDES SOCIAIS